Marketing Sensorial: você o aplica no seu negócio?

Você sabe o que é o marketing sensorial? Já teve algum contato com estratégias comerciais que usassem ele para atrair clientes e vendas? 

 

Se respondeu não para ambas perguntas, sugerimos ler com atenção as dicas abaixo, porque são muito importantes para quem tem negócios e lojas físicas. 

 

O marketing sensorial é um conjunto de estratégias usadas para estimular o desejo de compra. Ficou interessado? Então continue a leitura. 

 

O que é Marketing Sensorial?  

O marketing sensorial é uma das vertentes do marketing que como o nome sugere, trabalha com as sensações. E se tratando de sensações humanos, temos os cinco sentidos: visão, olfato, paladar, tato e audição. 

 

A função principal do marketing sensorial é estudar formas e meios de aplicar estratégias que estimulem o desejo de compra por meio dos 5 sentidos. Dessa forma além de entregar uma experiência diferente e interessante, podendo se destacar da concorrência, é também uma forma de elo entre sua loja e seus consumidores.  

 

Os sentidos são mesmo tão influentes na decisão de compra?

Primeiro de tudo, os sentidos humanos têm impacto direto na nossa memória. Já ouviu falar de comida afetiva? Que é quando sentimos o aroma de algum alimento e logo nos remete a lembrança boas de alguma pessoa ou lugar? 

 

Leia também: Memória afetiva e a relação com a comida

 

Então, os estudos comprovam que: o olfato contribui com 5% da capacidade de memorização, a audição com 9%, o tato e o gosto juntos somam 11% e a visão com 75%. 

 

Os nossos 5 sentidos funcionam como uma espécie de mensageiros, levando e guardando informações ao nosso cérebro daquilo que ouvimos, tocamos, vemo, cheiramos ou comemorar. Entendo isso, o marketing sensorial busca trabalhar essas sensações de forma positiva para uma marca, produto e ou serviço. 

 

Qual a importância do marketing sensorial para os negócios?  

Primeiro de tudo podemos dizer que o marketing sensorial é uma das estratégias que trazem o fortalecimento e valorização de uma marca. Além disso, o uso correto dele, pode ser determinante para a decisão de compra, principalmente daquelas clientes com muitas objeções. 

 

Pense nas grandes marcas de sucesso, se parar um pouco para refletir vai notar que a loja e a comunicação dessas marcas, são sempre relacionadas a uma ou algumas sensações. Sejam estímulos por cores, cheiros, sons ou outros elementos.  

Com uma boa comunicação sensorial aliada aos valores e objetivos do seu negócio, é possível estabelecer uma conexão emocional mais forte com os consumidores, que consequentemente vai resultar em relacionamento e vendas. Lembre-se que boas sensações em qualquer situação e ou ambiente, faz com que as pessoas tenham vontade de voltar.   

 

Se um cliente entra na sua loja apenas para “dar uma olhadinha”, mas se sentir atraída por algo,  possibilidade de ficar mais tempo e acabar realizando uma compram, aumentam muito.  Esse é o papel do marketing sensorial, atingir o subconsciente das pessoas e influenciar no comportamento de compras.

 

 

Você sabia que ao adquirir uma franquia, o marketing tradicional, digital e o marketing sensorial já estarão planejados? Isso mesmo! Quando se investe em um negócio já testado, o franqueador te forneça informações, meios, contatos e treinamentos para facilitar e simplificar sua gestão comercial e estratégica. 

 

Gosta da área alimentar, de culinária e de produtos de qualidade? Talvez se interesse em saber mais sobre a nossa Franquia, acesse o site

 

Gostou do artigo? Siga o Instagram , Facebook e Youtube do Bolos do Cerrado e acompanhe outras dicas e novidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *